Inscrições para casamento coletivo do Maior São João do Mundo devem encerrar nesta quarta-feira

25
Publicidade

As inscrições para a edição deste ano do Casamento Coletivo, realizado pela Prefeitura de Campina Grande, ainda podem ser feitas na sede da Secretaria de Cultura (Secult), das 8h às 12h. Iniciados na última quarta-feira (3), os cadastros tiveram prazo prorrogado, tendo em vista que muitos casais ainda não haviam atualizado suas certidões.

As vagas remanescentes deverão ser preenchidas até esta quarta-feira (10) ou até atingir a quantidade de 100 inscritos, além do cadastro de reserva.

O Casamento será realizado na Pirâmide do Parque do Povo, no dia 12 de junho, véspera de Santo Antônio e Dia dos Namorados, em um dos momentos mais memoráveis da programação do Maior São João do Mundo, edição especial de 160 anos da Rainha da Borborema.

“Eu e meu noivo nos conhecemos no Maior São João do Mundo, em 2019, e por isso eu sempre quis casar no Casamento Coletivo. Tentamos casar ano passado, mas não deu certo por conta de uma documentação do cartório. Meu tio conseguiu casar em 2023 e eu pedi para ele me ajudar. Ele veio para a fila guardar a minha vaga” contou o casal Fernanda e José Henrique, que já efetivaram a inscrição na quarta-feira (3).

Documentos necessários para inscrição no Casamento Coletivo

No ato de inscrição, os casais deverão apresentar as originais e cópias de todos os documentos. Em caso de dúvidas, os noivos podem fazer contato por meio do telefone (83) 3322-5285 ou entrar em contato pelo instagram do órgão @secretariadeculturacg.

DOCUMENTOS PARA NOIVOS (AS):

•Registro de nascimento (atualizados com validade de 120 dias);

•RG e CPF;

•Comprovante de residência no nome de cada noivo(a), ou declaração de residência do proprietário com firma reconhecida;

DOCUMENTAÇÃO PARA DIVORCIADOS (AS) (além da documentação dos noivos acima citada):

•Cópia da sentença do divórcio;

•Certidão de casamento com averbação de divórcio;

DOCUMENTAÇÃO PARA VIÚVOS (AS) (além da documentação dos noivos acima citada):

•Certidão de óbito e inventário;

DOCUMENTAÇÃO DE DUAS TESTEMUNHAS:

•RG e CPF;

•Comprovante de residência, caso não tenha, levar declaração de residência do proprietário com firma reconhecida.

Publicidade